Bem-estar

Qual guarda-roupa verde para o seu bebê?


Fibras macias e flexíveis que respeitam sua pele delicada ... é isso que os tecidos orgânicos trazem para o seu filho. E não é só isso: quando você compra orgânicos, alivia o planeta de poluição desnecessária e promove um comércio justo e ético.

A Comissão de Segurança do Consumidor (CSC) solicita às autoridades públicas a criação de um novo quadro normativo para roupas destinadas a crianças menores de três anos, em especial para proibir a presença de substâncias químicas (ftalatos, formaldeído, etc.) ou metais pesados ​​(chumbo ...) em sua fabricação. Devemos levar às crianças outras questões além do algodão, que todos sabemos?

O algodão não tem nenhum bem

  • O algodão é uma das fibras vegetais mais poluentes do mundo. Gourmet em água, pesticidas, fertilizantes, OGM, etc., o cultivo de algodão está longe de ser inócuo. ! Mais grave, os resíduos encontrados nas roupas - metais pesados, como o cromo nos corantes, por exemplo - ameaçam a saúde de quem os usa, começando pelas crianças!

Soluções?

  • Entre os mais prevalentes hoje, há algodão orgânico, o único têxtil orgânico certificado. O algodão orgânico é cultivado à mão por pequenos produtores locais na Índia, Turquia .... com fertilizantes naturais. De fato, promove um comércio justo e ético.
  • E também Hoje, a oferta é cada vez mais extensa. Outros materiais ecológicos podem ser encontrados, como linho, cânhamo, urtiga, bambu, algas marinhas... materiais macios para a pele e o planeta!
  • E os sapatos? Algodão orgânico, até couro orgânico, os sapatos também ficam verdes. Boas notícias para a saúde dos pezinhos!

Safia Amor

Lado da roupa, ele se move!

• Linha de camisetas recicladas da Tudo Bom nas lojas Compagnie des Petits.

• Na Monoprix, encontre o MIDD (Modo de Inovação em Desenvolvimento Sustentável).

• Petit Bateau lança sua coleção de algodão orgânico.

• Para tênis, a Veja oferece uma série de modelos para bebês e crianças. www.veja.fr

Encontre mais dicas de vídeo.

Geração verde: encontre todos os vídeos.

Visite o nosso Fórum de Bioecologia.